“Agora Lula vem com chicote pra cima da gente”, diz comunicador bolsonarista do RN

 “Agora Lula vem com chicote pra cima da gente”, diz comunicador bolsonarista do RN

Bolsonarista assumido, o comunicador e blogueiro Bruno Giovanni (BG) usou os microfones da 96 FM durante seu programa Meio-Dia RN desta segunda-feira (09) para fazer duras críticas aos manifestantes que invadiram e depredaram os prédios do Congresso, Palácio do Planalto e Supremo Tribunal Federal (STF) no último domingo (08). Para o comunicador, a intervenção tão reivindicada pelos bolsonaristas que não aceitaram o resultado das urnas acabou sendo efetivada, mas a favor do PT, o que provocará uma forte reação do Governo Federal contra os bolsonaristas.

“Lula agora [vem] com chicote para cima da gente. Agora eles têm carta branca para mandar prender todo mundo mesmo. Vocês conseguiram a intervenção a favor do PT, vocês conseguiram e agora têm ordem judicial para desocupar. E não se façam de arrochados não, porque vão presos, porque a polícia vai usar a força em todo o Brasil”, alertou o radialista.
Durante o desabafo de cerca de dez minutos veiculado no início de seu programa de rádio, Bruno Giovanni afirmou que as ações realizadas no domingo pelos manifestantes no Distrito Federal acabaram tomando um efeito contrário à direita e prejudicando inclusive quem estava no local pacificamente, apenas para demonstrar sua insatisfação contra os representantes dos três poderes.

“Vocês serviram o buffet, a ceia que Alexandre de Morais e Lula queriam, vocês conseguiram a intervenção para eles. Vocês, inteligentes, patriotas, bolsonaristas, extremistas, vocês não deram uma dentro, é isso o que vocês conseguiram com esses atos absurdos, tresloucados, asquerosos, antidemocráticos, burros, idiotas, foi isso o que vocês conseguiram”, desabafou.

BOLSONARISTA

Apesar da postura crítica ao grupo Bolsonarista manifestada ontem no rádio, Bruno Giovanni costuma adotar uma postura pró-Bolsonaro e anti-PT, posicionamento que tem sido uma de suas marcas nos últimos anos como comunicador, blogueiro e comentarista da cena política. Não obstante a violência registrada no Distrito Federal no final de semana, o comunicador diz não ter mudado de posição nem de opinião em relação ao presidente Jair Bolsonaro. No entanto, ele reconhece que é preciso “ter maturidade de saber a hora de atacar e de se defender”.

BG comparou ainda os atos antidemocráticos de domingo às invasões ao Capitólio dos Estados Unidos ocorridas em janeiro de 2021, quando apoiadores do ex-presidente Donald Trump avançaram em protesto contra o resultado da eleição presidencial de 2020 e conseguiram invadir o prédio justamente no dia em que as duas casas legislativas americanas se reuniriam para ratificar a vitória de Joe Biden.

“Fizeram a gente ser notícia no mundo todo, não aprenderam com o Capitólio, não aprenderam com a vergonha americana, não aprenderam com as prisões que aconteceram, não aprenderam com os processos que vários americanos estão respondendo e sequer têm advogado para defender. Não aprenderam com nada, não aprenderam com os atentados da semana retrasada em Brasília, não viram que isso não dava resultado”, lamentou.

Bruno finalizou seu comentário em tom de lamento, dando a entender que os criminosos que agiram violentamente contra os três poderes colocaram a perder conquistas que a direita brasileira vem conseguindo durante anos de luta por espaço no espectro político brasileiro.

“E eu vou finalizar, porque eu tô muito puto, porque nós trabalhamos muito para conseguir espaço, nós trabalhamos muito para ter voz, nós trabalhamos muito para ter presidente, nós trabalhamos muito para ter uma bancada grande e forte para finalizar e acabar desse jeito”.

PRÉ-CANDIDATO

O comunicador bolsonarista Bruno Giovanni lançou recentemente sua pré-candidatura à Prefeitura do Natal. Ele pretende ir para a disputa pelo Palácio Felipe Camarão, cuja cadeira estará em jogo em 2024, no pleito que não terá mais a concorrência direta do prefeito Álvaro Dias, que já está em seu segundo mandato e não poderá ser candidato, mas deve apoiar um nome de sua confiança.

Bruno já iniciou uma peregrinação pela cidade na tentativa de viabilizar politicamente seu nome para o pleito que se avizinha. A primeira aparição pública dele como pré-candidato a prefeito de Natal foi entre milhares de fiéis na procissão de Santos Reis, no bairro que tem o mesmo nome da festa.

A ideia de BG é começar a visitar os bairros da capital, dialogar com a população sobre os principais problemas da cidade e em seguida elaborar um plano de governo que contemple as principais demandas da população.

Durante o programa, BG disse que foi a Santos Reis a convite da vereadora Ana Paula, andou cerca de 3 quilômetros e foi “extremamente bem recebido”. Ele afirmou ainda que esse tipo de visita será uma constante, pois ele precisa “conhecer as pessoas e a cidade”.

“Nós vamos tratar os problemas de Natal. Se eu serei viável, se terá capilaridade, em 2024 a gente vai saber, mas que eu vou fazer minha parte vou e vou fazer com seriedade e determinação como sempre em tudo o que eu fiz. Aqui não tem brincadeira, eu não preciso de palanque, eu não preciso levantar minha bola não, eu estou focado nesse projeto e, se Deus quiser, vai dar certo”, salientou Giovanni.

Essa não é a primeira vez que Bruno tenta viabilizar seu nome para uma disputa eleitoral. Na última eleição para o Executivo municipal o blogueiro tentou dar rodagem ao seu nome como pré-candidato a prefeito da Natal, mas acabou desistindo antes do pleito. Na eleição de 2022 BG também chegou a ser convidado para disputar o Senado pelo Podemos, mas o projeto não decolou e ele abriu mão da disputa.

Agora RN

+ Notícias

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *