quinta-feira , 29 fevereiro 2024
Lar Internacional Zurich assume gestão do aeroporto de São Gonçalo do Amarante dia 19 de fevereiro
Internacional

Zurich assume gestão do aeroporto de São Gonçalo do Amarante dia 19 de fevereiro

Está agendado para o dia 19 de fevereiro o ato formal em que a empresa suíça Zurich Airport Brasil vai oficialmente assumir a administração do Aeroporto Internacional Aluízio Alves (ASGA), em São Gonçalo do Amarante, na Grande Natal. A posse da gestão do terminal acontecerá a exatos nove meses após a companhia arrematar a concessão do empreendimento por R$ 323 milhões. O evento que marcará o início da administração da Zurich vai ocorrer no próprio aeroporto.

Segundo declarou o CEO da empresa suíça no Brasil, Ricardo Gesse, durante encontro com prefeito de São Gonçalo, Eraldo Paiva (PT), no início desse mês, não se trata de uma operação simples. “Estamos falando de mais de dois milhões de passageiros por ano, um volume grande de aeronaves, aeronaves de grande porte, então a gente tem um primeiro esforço inicial que é para nos consolidarmos, para o passageiro não vê diferença entre um e outro, e que existe uma operação segura acontecendo”, disse o executivo.

 

Ele também ressaltou que o foco está em aumentar o número de passageiros, expandir a oferta de voos e buscar novas rotas e, para tanto, a empresa está prospectando companhias aéreas e concentrando esforços. Como parte do processo de implantação de melhorias, a empresa também anunciou que está buscando parceiros para operar salas vips no local, sendo uma na área de embarque doméstico e outra na área que atende aos passageiros dos voos internacionais.

A Zurich já opera o Floripa Airport, em Florianópolis/SC, eleito o melhor Aeroporto do Brasil, além de administrar os terminais de Macaé/RJ e Vitória/ES, em contratos de concessão de longo prazo.

A companhia pagou no início deste mês os R$ 323 milhões que foram ofertados no leilão do dia 19 de maio de 2023, como parte no acordo de indenização à Inframérica, atual operadora. O pagamento foi feito em menos de 48h dos suíços receberem a confirmação do pagamento da parte da indenização do Governo Federal, no valor de R$ 199,74 milhões.

Com isso, deu-se início, de fato, à transição de gestão entre a Inframérica e a nova concessionária do terminal, muito embora esse processo já estivesse em andamento. A expectativa, a partir daí, era de que a Zurich assumisse 100% do terminal até março deste ano numa concessão de 30 anos.

A empresa vai iniciar a operação no mesmo dia em que o reajuste das tarifas passará a vigorar. A tarifa de embarque doméstico passa de R$ 36,27 para R$ 46,20, e a tarifa de embarque internacional vai de R$ 64,21 para R$ 80,90. Nesta semana, a companhia divulgou a nova tabela com o reajuste nos valores das Tarifas de Embarque, Conexão, Pouso, Permanência, Armazenagem e Capatazia. Segundo explicou, esses reajustes acontecem anualmente nos aeroportos brasileiros e são regulamentadas pela Agência Nacional de Aviação Civil (ANAC).

“No caso do Aeroporto de Natal o novo contrato de concessão tem novas regras tarifárias, uma vez que a regulação tarifária dos aeroportos passou por uma evolução regulatória. A nova tabela está prevista para entrar em vigor em 19 de fevereiro (…) Os valores estão alinhados com as tarifas praticadas nos aeroportos brasileiros e na região nordeste.”, divulgou, reforçando que a nova tabela atende a uma norma regulatória.

Histórico
A Inframérica, que venceu o primeiro leilão de um aeroporto no País em 2011, decidiu entregar a concessão do Aeroporto Internacional Aluízio Alves, a 30 km de Natal, em 2020 ao alegar prejuízos na ordem de R$ 1,1 bilhão. Isso deu início ao processo de relicitação, o primeiro do Brasil.

O processo, no entanto, ficou sob a análise do Tribunal do Contas da União (TCU) que aguardava o cálculo da indenização à operadora que desistiu da concessão e que alegava ter investido cerca de R$ 700 milhões em obras de infraestrutura. A justificativa para a devolução foi de que enfrentou dificuldades devido à crise econômica que o país atravessou, especialmente no período inicial da concessão, afetando o turismo na região.
A liberação do leilão pelo TCU só ocorreu no dia 18 de janeiro deste ano e, em 7 de fevereiro, a diretoria da ANAC aprovou, em caráter inédito, o edital de relicitação do ASGA, que aconteceu no dia 19 de maio. O contrato da concessão foi assinado no dia 12 de setembro de 2023.

Em 19 de outubro, a empresa anunciou que estava buscando operador para Sala Vip do Aeroporto. No final de dezembro, o Governo Federal conseguiu fazer o repasse da indenização de R$ 199,74 à Inframérica e, no início de janeiro de 2024, a Zurich também pagou o seu valor correspondente, R$ 323 milhões. No dia 11 de janeiro, o novo contrato de concessão do ASGA entrou em vigor e a formalização da operação está prevista para 19 de fevereiro.

o que
A Zurich Airport arrematou o terminal, em leilão, no dia 19 de maio de 2023. No dia 5 de janeiro deste ano, a empresa suíça pagou os R$ 323 milhões que integravam o acordo de indenização à Inframérica, atual operadora. O pagamento foi feito em menos de 48h dos suíços receberem a confirmação do pagamento da parte do Governo Federal, no valor de R$ 199,74 milhões.

 

Tribuna do Norte

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Recentes

Categorias

Artigos relacionados

Lula faz comparação mentirosa e acusações absurdas, diz Rafaela Treistman

No Papo Antagonista desta terça-feira, 27, Felipe Moura Brasil e Carlos Graieb...

Helicóptero cai em área residencial da cidade colombiana de Medellín

Um helicóptero caiu nesta segunda-feira (26) em uma área residencial do bairro...

Israel encontra túnel de 10 km que liga norte ao sul da Faixa de Gaza

O Exército israelense divulgou uma série de imagens editadas nesta segunda-feira (26)...

Lula vê Israel escalando crise e decide não se desculpar por fala

O presidente Lula decidiu que não fará, pelo menos por ora, qualquer novo discurso...