quinta-feira , 29 fevereiro 2024
Lar Internacional Governo Milei anuncia 5 mil ‘demissões’ de funcionários públicos na Argentina
Internacional

Governo Milei anuncia 5 mil ‘demissões’ de funcionários públicos na Argentina

O governo da Argentina anunciou, nesta terça-feira (26), que não irá renovar o contrato de funcionários públicos com menos de um ano de trabalho.

As demissões fazem parte de uma das primeiras medidas do “Plano Motosserra” a serem colocadas em prática pela gestão de Javier Milei.

A projeção feita pelo porta-voz do governo, Manuel Adorni, é de que cerca de 5 mil servidores, cujos contratos vencem em 31 de dezembro, serão dispensados.

Os jornais argentinos La Nación e Clarín falam em até 7 mil demissões, citando fontes da Casa Rosada. Segundo a imprensa local, não entram nas demissões os trabalhadores que preencham cotas para pessoas trans e com deficiência, previstas por lei.

Números oficiais indicam que a Argentina possui quase 340 mil funcionários públicos na administração federal.

O sindicato dos servidores reagiu à medida com ameaça de paralisação geral.

Medidas anteriores contra o funcionarismo

 

Um dia após ser empossado (11), Javier Milei determinou o fim do home office para funcionários públicos, com objetivo de combater o “funcionário nhoque” – que apareceriam para trabalhar apenas uma vez por mês.

O pacote do novo presidente da Argentina prevê ainda a desvalorização do peso, a redução de subsídio e o cancelamento de licitações.

Deixe um comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Artigos Recentes

Categorias

Artigos relacionados

Lula faz comparação mentirosa e acusações absurdas, diz Rafaela Treistman

No Papo Antagonista desta terça-feira, 27, Felipe Moura Brasil e Carlos Graieb...

Helicóptero cai em área residencial da cidade colombiana de Medellín

Um helicóptero caiu nesta segunda-feira (26) em uma área residencial do bairro...

Israel encontra túnel de 10 km que liga norte ao sul da Faixa de Gaza

O Exército israelense divulgou uma série de imagens editadas nesta segunda-feira (26)...

Lula vê Israel escalando crise e decide não se desculpar por fala

O presidente Lula decidiu que não fará, pelo menos por ora, qualquer novo discurso...